Ads 468x60px

sábado, 19 de maio de 2012

Angra: os cinco melhores álbuns da banda

Angra é uma das maiores bandas brasileiras de heavy metal, vendeu mais de 1 milhão de cópias só no Japão e mundialmente 2 milhões de cópias. Abaixo a lista de cinco melhores álbuns da banda, segundo nós do Blog.

1º - Temple of Shadows:



Temple of Shadows é daqueles álbuns em que você fica preso nele, pois não há nenhuma canção nele que faça você pensar que ela está ali para preencher espaço. Traz muitas perólas, dentre elas: "Spread Your Fire", "Temple of Hate", "Late Redemption", é injustiça falar mais pois todas são legais. Vale ressaltar que o álbum conta história de um cavaleiro chamado Shadow Hunter que faz uma cruzada, e durante essa cruzada sua vida muda pra sempre

2º - Holy Land



É o álbum que Andre Matos gostou de gravar no Angra. O álbum possui muita influência de música brasileira, tanto conceito quanto musicalmente. Este álbum rendeu a banda o segundo disco de ouro no Japão e a primeira turnê européia da banda. O álbum é repleto de canções interessantes dentre elas: "Nothing to Say", "Z.I.T.O.", "Make Believe".

3º - Rebirth




Primeiro álbum do Angra com o Edu Falaschi, mostrou um Angra com uma sonoridade mais européia, com uma levada bem futurística e bem envolvente. Rendeu a banda o primeiro disco de ouro no Brasil (sendo a única banda de heavy metal brasileira a ganhar um disco de ouro aqui no Brasil). O conceito do álbum ficou a cargo do Rafael Bittencourt, que contava a história de mundo destruído e depois os sobrevientes lutavam para refazer o mundo. Destaques: "Nova Era", "Rebirth", "Acid Rain". A capa é demais!

4º - Angels Cry



'Debut' do Angra. Nesse álbum a proposta do Angra ficou evidente, misturando música clássica com heavy metal algo possível apenas com o mestre Andre Matos. O álbum traz trechos de música erudita, como na faixa "Angels Cry" que possui um trecho muito interessante que foi tirado da "Caprice no. 24" de Paganini.

5º -  Fireworks



Foi o álbum mais "pesado" do Angra até o Aurora Consurgens, isso porque foi produzido por Chris Tsangarides (mesmo produtor de Painkiller do Judas Priest). Possui canções interessantíssimas, dentre elas: "Lisbon", "Metal Icarus", "Paradise".

4 comentários:

  1. Vale Mencionar Aurora Consurgens Também ^^

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho alguma coisa com "Fireworks", gosto imenso.(Lisbon ta no meu top 5 de melhores do Angra)...Temple of Shadows nem se compara! É de longe o melhor

    ResponderExcluir
  3. Matéria foda,tava meio perdido..não sabia como começar a ouvir Angra,valeu mesmo.

    ResponderExcluir
  4. Acho q eu so trocaria o Fireworks pelo Aurora Consurgens

    ResponderExcluir